ROBERTO PINHEIRO ACRUCHE PROCLAMADO INTELECTUAL DO ANO DE 2014.

ROBERTO PINHEIRO ACRUCHE PROCLAMADO INTELECTUAL DO ANO DE 2014.

IGUAL A UM RIO - POEMA

IGUAL A UM RIO

Vou correndo de mansinho,
todos os dias sem parar
é a luta pela sobrevivência.
Pois estou sempre a trabalhar.

Andando a pé ou de ônibus
faça sol ou faça frio,
caminho sempre com pressa.
Igual as águas de um rio.

Não posso ficar parada
mas as vezes fico a pensar.
Não tenho encontro marcado
como o do rio com o mar.

Meus afazeres são tantos
mas não desespero, chorando.
Só caminho como um rio
feliz e cantarolando.

Maria Berenice de Azeredo dos Santos

0 comentários:

Quem Sou eu

Eu sou um caso,
um ocaso!
Eu sou um ser,
sem saber quem ser!
Eu sou uma esperança,
sem forças!
Eu sou energia,
ora cansada!
Eu sou um velho,
ora criança!
Eu sou um moço,
ora velho!
Eu sou uma luz,
ora apagada!
Eu sou tudo,
não sou nada!
Roberto P. Acruche

ESCREVA PARA MIM!

rpacruche@gmail.com
Visitas

free counter
Orbitz Cheap Ticket

Visitantes Online