ROBERTO PINHEIRO ACRUCHE PROCLAMADO INTELECTUAL DO ANO DE 2014.

ROBERTO PINHEIRO ACRUCHE PROCLAMADO INTELECTUAL DO ANO DE 2014.

DEGRADAÇÃO





Uma árvore desfolhada, abandonada,
Em cujos galhos não havia um só ninho.
Não ouve o cantar feliz de um passarinho,
Saudando a natureza dedicada.


Outras árvores, têm melancólico destino!...
Alguém ao cruzar o seu habitar
Vem espontaneamente lhe cortar,
Derramando ali, o seu desatino.

A floresta minada de desgosto,
Atormentada, sob um sol posto,
Ao se sentir mortificada


Chora o canto triste de um passarinho
Que perdeu seu berço, o seu ninho
E igualmente, outra árvore, derrubada.

Roberto P. Acruche

0 comentários:

Quem Sou eu

Eu sou um caso,
um ocaso!
Eu sou um ser,
sem saber quem ser!
Eu sou uma esperança,
sem forças!
Eu sou energia,
ora cansada!
Eu sou um velho,
ora criança!
Eu sou um moço,
ora velho!
Eu sou uma luz,
ora apagada!
Eu sou tudo,
não sou nada!
Roberto P. Acruche

ESCREVA PARA MIM!

rpacruche@gmail.com
Visitas

free counter
Orbitz Cheap Ticket

Visitantes Online