ROBERTO PINHEIRO ACRUCHE PROCLAMADO INTELECTUAL DO ANO DE 2014.

ROBERTO PINHEIRO ACRUCHE PROCLAMADO INTELECTUAL DO ANO DE 2014.

TROVAS - SELEÇÃO DE JULHO DE 2009

TROVAS

Não sei o que é mais chocante

numa explosão entre dois:
se são os gritos durante

ou é o silêncio depois...
José Ouverney-SP

Mas é um prazer sem igual
abraçá-lo com orgulho
num dia tão especial
que é este 21 de julho!
José Ouverney-SP

Pentecostes...
Veio forte e de repente
e como fogo queimando
pousa sobre aquela gente,
seu carisma, derramando.


Não irá jamais embora
Quem deixou tanta saudade...
A despedida de agora
É presença na saudade!
Almir Pinto de Azevedo- RJ


A voz do perdão ressoa
Quando o amor é quem nos chama;
Quem ama sempre perdoa,
Se não perdoa... não ama!
OTAVIO VENTURELLI - RJ

No rosto, um leve sorriso
disfarça a dor da saudade...
-Há vezes em que é preciso
fingir a felicidade.
Olga Agulhon – PR

Sob um arbusto na praça,
o casal fez seu retiro,
mas, quando a polícia passa,
não se ouve nem um suspiro!
Rodolpho Abbud – RJ


Tudo de belo contigo
ACRUCHE bom trovador,
sois admirável amigo
e um brilhante prosador.
Agostinho Rodrigues-RJ


A maior dificuldade
é abdicar do poder,
é uma temeridade
um tirano enaltecer.
MARILU-RJ




Tua amizade guardei
Com muito amor e afeição.
Quando de ti precisei,
Fui buscar no coração.
Neiva Fernandes –- RJ


Uma página arrancada,
jogada ao léu, esquecida,
assim sou eu, quase nada
no livro da tua vida!
Conceição A. C. de Assis-MG




Ante a noiva bem nutrida,
O cinqüentão fica louco;
-Ela só pensa em comida
e cinqüentão come pouco...
Milton Nunes Loureiro-RJ


Difícil será a contenda,
no entanto o Bem vencerá.
Tal qual a ave da lenda,
das cinzas ressurgira!
A. A. de Assis – PR



Mesmo que a lua me afague
e o Sol beije os lábios meus,
nada há no mundo que pague
um só carinho dos teus!!!
Maria Madalena Ferreira – RJ


Neste sonhar em que vivo
da poesia cultor,
o teu desvelo é o motivo
dos meus motivos de amor.
Gilvan Carneiro da Silva-RJ




Tomou medida extremada
por ciúmes e “entrou bem!...”
mandou embora a empregada
E o marido foi também!
Pedro Ornellas-SP


Em seu profundo sabe,
Deus nos deu, de forma amiga,
duas mãos para estender
ao final de cada briga.
Arlindo Tadeu Hagen-MG




No meu Mundo de Utopia,
vivo momentos risonhos,
pois, na minha fantasia,
torno reais os meus sonhos!
Decy Rodrigues Canalles – RS


O espelho no dia-a-dia
se repete, e eu me repito,
“-É um fantasma! E eu só queria
que ele fosse...mais bonito!!!”
Izo Goldman – SP





-Por não ser mais “cinqüentão”
-quase beirando os setenta-
já não vivo de ilusão,
mas que a gente tenta...tenta!!!
Eduardo A. O. Toledo –MG

Mesmo contra a correnteza
-poluída, que envenena...
o Amor à Pátria é a certeza
de que a luta vale a pena.
Roberto Resende Vilela - MG




A mentira - diz o dito
-tem pernas curtas, porém,
pra conpensar, que bonito
par de coxas ela tem!...
Antônio Juraci SIQUEIRA-PA


Fantasmas de dois defuntos,
namorando à luz da lua,
-Meu bem, vamos dormir juntos?
-Na minha tumba ou na tua?
Campos Sales -SP




Olhando aquela janela
a tanto tempo fechada,
vejo o retrato daquela...
que a janela moldurava.
ROBERTO PINHEIRO ACRUCHE –RJ


É por causa das mulatas
que o marido evita os morros,
pois, com ciúme das “gatas”,
a mulher “solta os cachorros”!
Edmar Japiassú Maia – RJ




Quando requebra me mata,
diz o luso: Eu quase piro
mas dou por esta mulata
o meu último suspiro!
Clenir Neves Ribeiro-RJ



Minha fala desembuche,
mudo o nome da cidade,
pois São Francisco de Acruche
me deu foi muita saudade!!!!
Elizabeth Souza Cruz-RJ


Pouco importa que tu venhas
apressado, em teu fulgor,
pois trazes contigo as senhas
para os feitiços do amor!
Elizabeth Souza Cruz-RJ




Tem visita que aconchega,
tem outra que não me atrai;
não empolga quando chega...
mas alegra quando sai!
Ademar Macedo – RN


Esta vassoura sem pêlo
deve ser aposentada
pois, sem dente e sem cabelo,
não me serve para nada!
Maurício Noberto Friedrich-PR

0 comentários:

Quem Sou eu

Eu sou um caso,
um ocaso!
Eu sou um ser,
sem saber quem ser!
Eu sou uma esperança,
sem forças!
Eu sou energia,
ora cansada!
Eu sou um velho,
ora criança!
Eu sou um moço,
ora velho!
Eu sou uma luz,
ora apagada!
Eu sou tudo,
não sou nada!
Roberto P. Acruche

ESCREVA PARA MIM!

rpacruche@gmail.com
Visitas

free counter
Orbitz Cheap Ticket

Visitantes Online